Pular o menu
 

Notícias em Geral

Kyōto Animation Studio sofre incêndio criminoso no Japão

:: 2 minutos de leitura

Dentre as vítimas, 33 morreram e 37 estão hospitalizadas; pouco se sabe ainda sobre o criminoso.

SuzuAutor(a)

Hoje dia 18/07, os fãs de animes amanheceram perplexos com os acontecimentos na nossa tão amada terra nipônica chamada Japão.

Por volta de 10h30 da manhã, isso cerca de 22h30 aqui no Brasil, um homem não identificado entrou no estúdio de três andares da Kyōto Animation, jogou gasolina e botou fogo gritando: “Morram” para todos que estavam trabalhando no momento.

De acordo com os bombeiros, o número de mortos no momento é de 33 pessoas, e são 37 hospitalizadas, sendo 10 em estado grave. O criminoso de 41 anos que ateou fogo ao estúdio tentou fugir, mas foi ferido no ato e levado para um hospital sob custódia.

Ainda não se sabe se ele tinha algum rancor com alguém dentro do estúdio ou qualquer vínculo dele com a equipe da Kyōto Animation Studio que tenha motivado o ataque.

Sobre o caso, o primeiro-ministro japonês Shinzō Abe postou em sua conta pessoal do Twitter que a situação é amedrontadora demais para se comentar algo.

Para quem não sabe, a Kyōto Animation Studio (ou KyōAni, como é conhecida no Japão) é um estúdio de animação fundado em 1981. Vários animes passaram pelas mãos da Kyōto, como K-On!, Lucky Star, Clannad e Pokémon.

Animes mais recentes produzidos pela Kyōto são: Violet Evergarden, o filme de Chūnibyou demo Koi ga Shitai, Free! Dive to Future e o filme Free! Movie 3, Tsurune, Liz to Aoi Tori e o filme de Hibike! Euphonium.

Estima-se também que vários projetos futuros programados pelo estúdio tenham se perdido nesse acontecimento, como o filme de Violet Evergarden, programado para estrear em janeiro de 2020.

Para mostrar solidariedade ao estúdio e ajudar, vários artistas postaram mensagens e imagens de animações feitas no estúdio com a hashtag #PrayForKyoani.

Fonte: Mainichi


E aí, gostou da matéria? Quer escrever? Então se inscreva para ser um redator da Rádio J-Hero: acesse a página Trabalhe Conosco e se inscreva para redator. Estamos esperando sua ficha! =D

Tags

Compartilhar

  • Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Telegram
Você precisa ativar seu JavaScript para acessar os comentários...
Voltar ao topo