Arquivo JH

AnalisaJin – Alucard – Sanguinário Sangue-Bom

:: um minuto de leitura

AnalisaJin traz a análise de um dos maiores personagens vampiro de todos os tempos.

😒

AnalisaJin - Alucard - Sanguinário Sangue-Bom


Na minha primeira coluna, trarei para vocês a análise de um dos meus personagens favoritos. Uma criação sensacional, onde há mistura de comédia, maldade, terror, muito sangue e doses perfeitas de drama.


Deve estar se perguntando qual criação é essa… Então eu lhes digo meus caros: quando falo de Sanguinário Sangue-bom refiro-me a Nosferatu Alucard. Personagem extraordinário, fora dos padrões humanos que aparentemente está do lado mal, digo aparentemente, pois assim que começamos a assistir o Anime Hellsing, anime ao qual a personagem pertence, percebemos momentos de delicadeza e compaixão de um ser que a princípio parece ser pura e exclusivamente mais uma daquelas personagens vampirescas que vemos por aí.


Não meus amigos amantes dos animes. Alucard é diferente, pois foi criado com doses perfeitas de ingredientes perfeitos da personalidade humana ou até mesmo "extra-humana".


Arrisco a dizer que ele é, pelo menos na minha humilde opinião, o vampiro mais sanguinário e ao mesmo tempo amado dos últimos tempos. E digo mais, amado até por aqueles que ainda não o conhecem através do anime ou mangá.


Isso porque, esse é o sonho de todos aqueles que gostam do gênero, um vampiro com todas as características que um vampiro precisa ter, ou seja, ser tudo aquilo que já citei acima – sanguinário, sarcástico, etc. e ao mesmo tempo, ser “Sangue-Bom”.
 

 AnalisaJin - Alucard - Sanguinário Sangue-Bom 


Em quesito de personagem de história, Alucard em muitos aspectos consegue ser mais sensacional do que o vampiro mais conhecido de todos os tempos: Conde Drácula. Mas essa é uma questão que merece ter uma análise exclusiva e que farei em outra oportunidade.


No mais, cuidado quando saírem à noite, afinal de contas, Nosferatu Alucard é “Sangue-Bom”, mas um dos vampiros com mais recursos sanguinários que existe, portanto não é bom dar  “sangue” pro azar.

Tags

    Compartilhar

    • Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Telegram
    Você precisa ativar seu JavaScript para acessar os comentários...
    Voltar ao topo