JH Coberturas

JH Coberturas | Confira o que rolou no 17° Ribeirão Preto Anime Fest (Parte 1)

:: 7 minutos de leitura

A nossa DJ Verynice esteve acompanhando mais um evento geek-otaku na Região Sudeste e conta para você o que rolou em uma matéria super informativa. Confira!

ribeirão preto anime fest na jhero

 

por DJ Verynice

 

No último dia 18 de março aconteceu na cidade de Ribeirão Preto-SP o 17º Ribeirão Preto Anime Fest na UNAERP (Universidade de Ribeirão Preto) onde, além das salas temáticas, teve concursos de Cosplay, Animekê, K-Pop e de muitos jogos como League of Legends e CSGO, além de convidados incríveis como a Thaís Midori, do canal Midori e o Kamikat, jogador profissional de LoL.

Vou contar para vocês como foi, mas como a matéria ficou muito grande, a parte dos convidados fica para a segunda parte aqui no site! Por hora confira o que rolou!

17 ribeirão preto anime fest

O local estava com o ambiente maravilhoso. Embora com temperaturas de mais de 30°C o clima era agradável, pois todas as rotas de um prédio para outro era bem arborizadas, trazendo uma brisa gostosa. Tudo muito organizado, local de trafégo e dos banheiros bem limpos e conservados. As praças de alimentação, que eram duas, com muito espaço para sentar e preços condizentes ao evento. Muitas opções de comidas que ia desde o tradicional hot-dog, passando por combos de cheeseburger + batata + refri, até comidinhas orientais como yakissoba e bandejas com sushi e sashimi. Infelizmente o ‘nectar dos otakus’, o Muppy, só tinha uma única pessoa vendendo, resultado: somente Muppy de maracujá antes das 16h, e o evento ia até as 19h! Achei as bebidas em geral um pouco caras, mas tinha muitos bebedouros para os que estavam com a grana curta ou que preferiam gastar com canecas, bottons, camisetas, e action figures.

 

Falando nisso… Ah, as lojinhas! Tinha muitas e com coisas irresistíveis! Era o local mais movimentado da feira e a maioria dos lojistas recebiam com carisma (salvo alguns que pareciam um pouco mal-humorados, mas isso sempre tem né?). Um ponto interessante é que havia uma loja personalizando na hora itens como canecas e camisetas. Outras fazendo promoções fantásticas de quadros pela metade do preço! Uma pechincha! Aproveitei e comprei alguns presentinhos (risos)

ribeirão preto anime fest 2018

Os concursos de Cosplay, Animekê e K-pop foram pouco movimentados, tanto de público quanto de participantes. Talvez a falta de incentivo e/ou prêmios pouco chamativos contribuíram para isso. Falando em animekê, senti falta de uma sala para os amantes do karaokê soltarem a voz, sem ser em um concurso. Confira abaixo alguns cosplayers que desfilaram pelo evento!

Agora os campeonatos de jogos tiveram muita gente! Destaque para o jogo League of Legends que por volta de 13h já não tinha mais como alguém se inscrever para nenhuma modalidade, seja em grupo ou individual. Foi o único jogo que teve um grande telão a frente de várias mesas e cadeiras onde muitos espectadores nem piscavam para conferir cada lance de perto. Também tinha narradores que davam mais emoção as partidas.

Jogos de FPS, como Counter Strike GO tinha também uma grande plateia, ligadinha em todos os movimentos dos jogadores.

 

Salas Temáticas

O evento contou com algumas salas temáticas bem interessantes e apresentamos a seguir o que achamos de cada uma:

 

Gladius

No espaço do Gladius Swordplay me senti no meio de uma batalha medieval! Além da decoração inspirada na Idade Média, com escudos, espadas, elmos e arcos, encontrei o pessoal com vestimentas da época, onde deu o toque final para eu realmente adentrar a este mundo que antes só via em filmes e séries!

Fui muito bem recebida pelo Ivar (com o mesmo nome de uma personagem da série Vikings, mas é de nascença!) – coordenador do grupo de SwordPlay da cidade de Ribeirão Preto. Ele me contou que o grupo faz atividades de jogos de combate. Todas as espadas são feitas de espuma, trazendo muita segurança para todos, e que o foco mesmo é na diversão. O intuito do grupo é tirar os jovens de frente do computador, para praticar um esporte saudável e divertido. Tem regras específicas quanto ao lugar do corpo que a pessoa pode ou não pode bater pois, mesmo as espadas sendo seguras, lugares como rosto, virilha e pescoço, pode machucar seriamente, por isso existe as Regras de Combate, para os que estão iniciando na modalidade já se atentarem e seguirem essas regras de segurança.

Fora os eventos, o Gladius promove encontros, geralmente no segundo e quarto domingos do mês, totalmente gratuito. Se a pessoa não tiver o equipamento, será emprestado um no local. Nestes encontros terão treinos e jogos bem elaborados, em espaço amplo (geralmente praças e bosques) com muita diversão! Mais informações no site ofical do grupoLink externo.

gladius swordplay

 

NPortátil

Thiago Barbosa Borges, ainda criança, pedia para seu pai deixar ele colocar a TV na garagem para ele jogar com amigos. Quando lançou o 3DS em 2011, iniciou o NPortátil, com o intuito de sair de casa e se encontrar com outras pessoas. No mesmo ano lançaram a primeira sala dentro do RPAF. A sala é voltada para Nintendo, onde esses amigos se juntam, até hoje, para jogarem juntos e fazerem mais amigos unidos pelo amor à marca japonesa. O grupo também joga em outros locais como shoppings ou na casa de amigos. Eles se enfrentam em jogos clássicos como Smash Bross, Mario Kart e Pokémon. Além disso, o NPortátil tem uma atividade chamada “Troca-Jogo”, atendendo um pedido do público, onde eles intermediam a venda e/ou troca de consoles e jogos: a pessoa deixa seu console ou jogo com o pessoal da NPortátil e vai curtir o evento tranquilo. Ao final, retorna para buscar a troca ou o dimdim!

O NPortátil é totalmente de fã para fã, não tem fins lucrativos, não cobram comissão das vendas do Troca-Jogo, nada! O dinheiro arrecadado com torneios é exclusivamente para compra de troféus e/ou medalhas dos próximos eventos e para custear as despesas do site. Gostou? Mais detalhes no grupo oficialLink externo no Facebook.

 

Centurion

A loja da Centurion estava bombando! Foi até difícil conversar com o Ivan, que atendia a todos com muita disposição e sorriso! Fundada em 2010, a loja é especializada em Roleplaying (RPG), Trading Card Games e Comics. Além da loja, o Ivan promove torneios nos eventos de Ribeirão Preto com premiações.

E foi nessa sala que encontrei o Willian, que coleciona card games de Yu-GI-OH! há 10 anos e já tem mais de mil cartas. Mesmo assim o William gosta mesmo é de disputa amigável, e não competitiva, pois não tem participado de campeonatos por falta de patrocínio e de algumas cartas para montar um deck-meta. Fiquei impressionada pois ele carregava uma mochila com pastas e várias latas com cards! Mesmo tímido na entrevista, estava empolgado aguardando um corajoso para enfrentá-lo! Mais informações no FacebookLink externo.

 

VRocket – Realidade Virtual

E foi nessa sala que testei meu coração! E vou te contar como!

A história da VRocket começou quando o Cesar Medina, empresário, viu no shopping um rapaz com um celular no óculos de realidade virtual e, como já sabia que no computador a experiência era mais intensa, resolveu investir nisso: com a tecnologia do Oculus Rift, que é uma das mais modernas do momento, em conjunto com uma plataforma suspensa, que o próprio Cesar criou, que traz mais emoção e realismo para o que a pessoa está vivenciando enquanto assiste ao filme pré-selecionado. Essa plataforma é o que ajuda a criar essa sensação de imersão e, com a ajuda de fones de ouvido, te “leva para dentro do filme”, e é realmente INCRÍVEL! Raros são os que conseguem controlar suas emoções!

Funciona assim: a pessoa escolhe uma entre várias cenas como terror, montanha-russa ou perseguição, cada uma com um nível diferente de adrenalina. Após o pagamento da taxa (que vale cada centavo), ela entra na plataforma suspensa, totalmente segura, é colocado os óculos e os fones e, após receber algumas orientações de segurança, pronto: que os jogos comecem! (ahahaahah) O nível 4 é o mais emocionante! Adrenalina pura para quem tem coragem!

Um desses corajosos foi o Matheus Marani, de Orlândia, que estava no evento e falou comigo sobre sua experiência: “Foi muito complicado! Em cima dessa plataforma suspensa você fica completamente alucinado porque seu corpo se movimenta junto…eu mesmo não consigo explicar, só experimentando para saber!” – disse, secando o suor e ainda eufórico de adrenalina.

Após um pouco de coragem, e achando que ia tirar de letra, fui convidada a experimentar a tal “Realidade Virtual”, ver se era tão real assim. E sim, leitor, derramei feiura! Assim que o vídeo começou, o grito já saiu espontaneamente, parecia que realmente estava dentro do filme. Foi demais!

Além de eventos, a VRocket pode ser contratada para animar festas, casamentos, etc. Para contatar a VRocket e conferir vídeos de usuários reais visite a página no FacebookLink externo

realidade virtual em riberião preto

 

Então é isso pessoal! Em nossa segunda parte um resumo dos bate-papos com os convidados do evento. Destaque para Thaís Midori e Kamikat. Por hora fiquem com nossa galeria de fotos com algumas imagens do evento. Destaque para os cosplayer que vimos por lá!

 

17° Ribeirão Preto Anime FestLink externo

Tags

    Compartilhar

    • Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Telegram
    Voltar ao topo