Pular o menu
 

Dorama Love

Papo Dorama com Dorama Love: a importância de HIStory

:: 3 minutos de leitura

HIStory e sua importância na sociedade.

Ed-OliAutor(a)


Dorameiros de plantão, hoje iremos analisar um maravilhoso dorama que vem crescendo e se tornando uma influente saga na comunidade dos doramas, trazendo temáticas diferentes em suas temporadas. Mas já digo que o foco não é criticar, e, sim, entender a sua relevância.

O que é HIStory?

HIStory 1

Na primeira temporada, vemos três arcos: Stay Away from Me, My Hero e Obsessed. Tirando Stay Away from Me, os arcos trabalham com elementos sobrenaturais, enquanto Stay trabalha com a aceitação e afinidade lidando com sentimentos sutis e temas como solidão, desejo e admiração de dois irmãos de pais diferente que precisam morar juntos, fazendo os dois mostrarem os seus lados maravilhosos e, ao mesmo tempo, sombrios e imaturos.

O arco My Hero conta a história de uma garota apaixonada tentando conquistar o seu amor e retornar a vida, isso dentro de um corpo de homem nerd, tímido e desajeitado, e novamente vemos durante sua jornada os seus pontos positivos e o seu lado negativo, e quando esses pontos são colocados à mesa, uma decisão precisa ser tomada.

E, por último, temos Obsessed — na verdade, a ordem não está correta, mas isso não afeta a historia, é só a ordem pela qual assistir o dorama —, esse maravilhoso arco que mostra a importância de se assumir e a importância dos seus atos através de um efeito borboleta, mostrando o passado trágico até as consequências futuras, tudo isso devido às suas escolhas influenciadas pelos seus sentimentos e o caráter orgulhoso, que é, de certa forma, correto e belo, mas também presunçoso e conservador.

Nesta temporada, todos os arcos lidam com as mudanças e a importância de reconhecer nossos pontos positivos ou não, tudo isso mostrando pelas consequências que reforçam que todos possuem escolhas que determinaram se estamos amadurecendo ou continuamos estagnados.

HIStory 2

Esta temporada tem dois arcos importantes, e daí vemos uma evolução na série, pois os arcos anteriores trabalharam com o amadurecimento, mas este trabalha com simplicidade e que nem tudo precisar se maduro e complexo o tempo todo. A temporada começa com o arco Right or Wrong, que narra a história de um jovem estudante que acaba acidentalmente cuidando da filha de seu professor relapso e desleixado nos afazeres familiares devido a sua longa jornada de trabalho. Ambos acabam se envolvendo em um sentimento delicado e simples, formando uma bela família.

O arco seguinte, Crossing the Line, conta um belo e divertido romance estudantil, mostrando jovens que precisam lidar com seus sentimentos, com o primeiro beijo, aceitação à sua idade, pois ambos carregam uma responsabilidade que não é correta pela suas idades. Tudo isso é visto através de paixões secretas, o desejo através da imaginação e competitividade esportiva.

HIStory 2 mostra o despertar dos sentimentos e trabalha a ideia que as coisas não precisam ser naturalmente maduras e dramáticas, podem ser apenas uma ocasional reação devido aos seus laços.

HIStory 3

É considerada por vários a melhor temporada, dividida em duas sagas. Na primeira, nomeada de Trapped, vemos um policial se envolvendo com um belo e charmoso mafioso, mas o diferencial desse arco é o fato de os personagens já serem adultos o suficiente e já entenderem seus sentimentos. Isso abre brechas para trabalhar outros assuntos além da aceitação, como arrependimento, perdão, aceitação familiar, tudo isso através de uma misteriosa e romântica temporada.

Na última saga, vemos um grandioso estudante ao lado do um aluno competitivo e baderneiro. Enquanto os opostos se atraem, percebemos que existem sentimentos, passados além da superficialidade que precisam ser trabalhadas e algumas superadas.

Essa temporada é considerada sem dúvida a melhor, pois ela já entende seu público e mostra temas sociais que precisam ser abordados principalmente em seu local de origem. Tudo isso é abordado de forma fictícia e romântica, sem precisar apelar pela aceitação social e pessoal em relação dos seus sentimentos, afinal eles não dependem da opinião do próximo, mas, sim, do que acham correto. Esse é maior ensinamento em uma série.

😒
Voltar ao topo