Pular o menu
 

Tsukasa Space

Tsukasa analisa: Dark Souls: Remastered

:: 5 minutos de leitura

Com a vinda do mestre Hidetaka Miyazaki à BGS deste ano, vamos falar um pouco da sua obra mais famosa, incluindo uma lista de armas lendárias!

TsukasaKunAutor(a)

Este ano a Brasil Game Show, a maior feira de games da América Latina, traz ao Brasil um dos maiores nomes quando o assunto é dificuldade: estou falando do Hidetaka Miyazaki. Ele mesmo, a mente por trás de um dos jogos considerados por muitos o mais difícil de se terminar sem se valer de um cheat sequer. Falo da obra-prima Dark Souls, o primeiro dos games que irei abordar nesta série de matérias especiais que pode vir a se tornar muito mais frequente por aqui.

Tenho certeza que para Hidetaka não foi nada fácil conceber algo como Dark Souls. Prova disso está no fato de que o jogo só começou mesmo a cair no gosto do público bem mais tarde. Com o passar do tempo mesmo. Com muitos calabouços secretos, caminhos e armadilhas, este game fez e ainda faz muitos perderem o cabelo. E agora na sua versão remasterizada, então… Agora que os bugs foram corrigidos e podendo ser jogado a 60 fps tranquilamente sem aquelas travadas de antes, o game se tornou ainda mais desafiador.

A remasterização de Dark Souls cumpre muito bem o seu papel, e se você nunca jogou, eu diria que é uma aquisição obrigatória. E se você já é um veterano da franquia, certamente vai adorar. Eu recomendo com certeza.

Se Demon’s Souls primou pela novidade de um modelo de jogabilidade ancorado na punição constante pelos erros que possivelmente qualquer jogador — desde os mais experientes quanto os sem nenhuma experiência — comete, levando o mesmo a se deliciar com cada vitória e experiência nova adquirida, removendo simples obstáculos, derrotando aquele boss que parecia impossível de ser vencido, Dark Souls não fica atrás nem um pouco. Nunca os corredores em Dark Souls estiveram tão sombrios quanto nesta nova versão. É claro e evidente que muitas das mudanças digamos assim são “atenuadas” conforme vamos nos acostumando a vê-las. Ao meu ver, acertaram em cheio pois o jogo permanece o mesmo, porém agora podemos, sim, desfrutá-lo em toda a sua plenitude.

E calma, pessoal: por se tratar de um RPG muito, mas muito difícil e que com certeza você irá passar horas e horas jogando, com certeza você irá receber algumas recompensas por vencer os obstáculos propostos. E é exatamente aí que o game brilha.

Em Dark Souls podemos criar armas incríveis utilizando as almas dos chefões que vamos derrotando. Então para animá-lo a conhecer este game, preparei uma lista com estas armas e o que você irá precisar para conseguir cada uma delas. E não, não vou dividir a postagem, vou apresentar todas pra você. Divirta-se!

Bom, a primeira coisa que você irá precisar é da alma de um chefão e uma arma upada até o nível +10. Somente depois disso você poderá adquirir as armas raras dos chefes. Vou mostrar aqui de acordo com a forma que eu jogo. Claro que a ordem depende exclusivamente de você. A primeira alma que costumo adquirir é a da Moonlight Butterfly (Borboleta Lunar), obtida ao derrotarmos ela lá nas profundezas da floresta perdida. Com esta alma podemos criar a Moonlight Butterfly Horn, uma lança muito louca e maravilhosa para os amantes de lança. Eu particularmente gosto. Seu uso é mais para uma build de magia. Eu recomendo para um mago que invista também em destreza.

Outra arma que podemos criar a partir da alma da Moonlight Butterfly é o Crystal Ring Shield. Para isto, sugiro que use como base o escudo da aranha (há dois no game) upado no +10.

Apresento uma lista com as armas possíveis de serem criadas a partir das almas dos chefões e os itens básicos necessários para obtê-las:

Quelaag’s Furysword
Armas compatíveis: Painting Guardian Sword, Murakumo, Server, Shotel, Scimitar e Falchion.

Chaos Blade
Armas compatíveis: Washing Pole, Iaito e Uchigatana.

Dragon Bone Fist
Armas compatíveis: Caestus e Claw.

Golem Axe
Armas compatíveis: Handaxe, Demon’s Greataxe, Greataxe, Gargoyle Tailaxe, Butcher Knife e Battleaxe.

Dragonslayer Spear
Armas compatíveis: Mail Breaker, Estoc, Rapier, Ricard’s Rapier, Spear, Winged Spear, Partizan e Pike.

Smough’s Hammer
Armas compatíveis: Club, Mace, Morning Star, Warpick, Pickaxe, Reinforced Club, Greatclub, Demon’s Great Hammer e Large Club.

Greatsword of Artorias
Armas compatíveis: Broken Sword e Broken Hilt.

Greatshield of Artorias
Escudos compatíveis: Os mesmos do Crystal Ring Shield.

Darkmoon Bow
Armas compatíveis: Short Bow, Composite Bow, Long Bow e Black Bow of Pharis.

Tin Darkmoon Catalyst
Armas compatíveis: Oolicile Ivory Catalyst, Logan’s Catalyst, Tin Banishment Catalyst, Sorcerer’s Catalyst e Beatrice’s Catalyst.

Lifehunt Scythe
Armas compatíveis: Halberd, Lucerne, Scythe, Gargoyle’s Halberd, Great Scythe, Whip e Notched Whip.

Great Lord Greatsword
Armas compatíveis: Dagger, Parrying Dagger, Bandit’s Knife, Demon Great Machete, Greatsword, Zweihander, Flamberge, Man-Serpent Greatsword, Claymore, Bastard Sword, Darksword, Barbed Straightsword, Sunlight Straightsword, Balder Sidesword, Broadsword, Longsword e Shortsword.

Manus Catalyst
Armas compatíveis: Oolicile Ivory Catalyst, Logan’s Catalyst, Tin Banishment Catalyst, Sorcerer’s, Catalyst e Beatrice’s Catalyst.

Abyss Greatsword
Armas compatíveis: Dagger, Parrying Dagger, Bandit’s Knife, Demon Great Machete, Greatsword, Zweihander, Flamberge, Man-Serpent Greatsword, Claymore, Bastard Sword, Darksword, Barbed Straightsword, Sunlight Straightsword, Balder Sidesword, Broadsword, Longsword e Shortsword.

E você acha mesmo que Dark Souls é assim tão difícil? Se ainda acha, convido você a descobrir uma maneira mais fácil de passar por este mundo sombrio através do meu detonado em meu canal no YouTube. Só procurar por “Uberlan Gamer” que você passará bem mais fácil (ou assista abaixo). Isso garanto.

E vou ficando por aqui. Temos um encontro marcado na próxima semana com mais uma matéria especialmente criada pra você aqui na nossa Rádio J-Hero. Forte abraço e até mais.

Tags

Compartilhar

  • Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Telegram
Você precisa ativar seu JavaScript para acessar os comentários...
Voltar ao topo