Pular o menu
 

My J-Hero Academia

Indicação de dorama: Romance Is a Bonus Book

:: 4 minutos de leitura

Após uma longa pausa em uma renomada carreira, Kang Dan-yi, uma mãe recém-divorciada de quase 40 anos e cheia de contas para pagar, decide voltar ao mercado de trabalho e acaba se deparando com uma difícil realidade.

Bela OrihimeAutor(a)

Romance Is a Bonus Book contra a estória de Kang Dan-yi e Cha Eun-ho. Dan-yi, uma adolescente durona, seguida por um instinto natural, salva uma criança chamada Cha Eun-ho de um acidente que poderia tê-lo matado. Como consequência, ficou internada por meses com vários ossos quebrados. Como forma de agradecimento pelo salvamento, Eun-ho decide ser “assistente mirim” de Dan-yi, comprando comida, livros e lendo para ela enquanto está internada, ajudando-a a se adaptar e tornando sua estadia o mais confortável possível. Com isso, a amizade dos dois foi se estreitando, e o amor pelos livros também.

O dorama realmente começa no dia em que Kang Dan-yi está prestes a se casar com Hong Dong-min. Apesar de ser considerado o dia mais importante da vida de uma noiva, Dan-yi não demonstra felicidade e, sim, dúvida. E isso pode ser confirmado a partir do momento em que, na tão esperada “entrada da noiva”, a mesma simplesmente some preocupando a todos, inclusive seu melhor amigo Cha Eun-ho. Após sair em busca de respostas, Eun-ho encontra Dan-yi escondida em seu carro e, após uma longa conversa, unindo alguns acontecimentos inesperados, Dan-yi resolve voltar ao casamento.

Kang Dan-yi (Lee Na-young) e Cha Eun-ho (Lee Jong-suk)

Anos se passaram, e Kang Dan-yi, uma mulher de carreira brilhante na área de Publicidade e Propaganda atuando como redatora, com excelente formação educacional, um currículo de dar inveja e diversos prêmios conquistados, engravidou, foi mãe e se ausentou da carreira para cuidar da filha. Após 11 anos de casada e uma pausa de sete anos em sua carreira, Dan-yi se divorciou de Dong-min e, apesar de ter um currículo tão impressionante, passa a encontrar dificuldades em retornar ao mercado de trabalho.

Por conta da longa pausa, os empregadores não se sentiam à vontade em dar um emprego que seu currículo exigia pois, em sete anos, a mídia e os consumidores mudaram, e essa falta de experiência no mercado atual poderia não se enquadrar nos ultrapassados conhecimentos adquiridos por Dan-yi. Além disso, por ter uma idade avançada (quase 40 anos de idade), sua carreira exigiria um cargo de alto escalão dentro da empresa, e caso seja dado um cargo mais simples, os seus possíveis “colegas de trabalho” poderiam se sentir incomodados pela diferença de idade. Com isso, para conseguir alguma renda e sustentar sua filha, que mora atualmente em um internato, Dan-yi acaba aceitando empregos temporários (um deles como faxineira de Cha Eun-ho) e continua morando escondida em sua antiga casa, que está prestes a ser demolida. Com uma vida sofrida e vários momentos de desilusão e tristeza, Dan-yi decide que, para conseguir um emprego, precisa mentir em seu currículo. E a melhor forma que encontrou para isso foi excluindo completamente todas as suas referências e experiências e, assim, conseguir cargos mais baixos.

Kang Dan-Yi (Lee Na-Young)

Do outro lado, vemos o Cha Eun-ho, escritor renomado, professor e editor-chefe de uma editora de livros. Bem-sucedido em sua carreira, Eun-ho não faz a mínima ideia do que sua melhor amiga, Dan-yi, está passando, pois ela decidiu esconder seu divórcio e sua dificuldade financeira por mais de um ano. Com isso, vocês podem perceber que o Eun-ho não faz ideia de que sua faxineira, contratada pela Dan-yi, na verdade é ela.

As estórias voltam a se cruzar quando Dan-yi descobre que uma editora está aceitando vagas para estágio sem idade mínima, sem experiência exigida e em que o processo seletivo (etapa de escolha de currículos) seria feito às cegas, ou seja, sem a necessidade de foto. Após ser selecionada e entrar na fase de entrevistas, Dan-yi se depara com um problema. A editora escolhida era a mesma em que Eun-ho trabalhava. A partir daí, vemos o desenrolar da estória de uma mulher, que sofreu, chorou e se desesperou, mas no fim usou de sua determinação para reconstruir a carreira perdida.

Romance Is a Bonus Book, como o nome já diz, não é uma estória focada única e exclusivamente no amor, e sim na carreira e perseverança de uma mulher divorciada. O romance é apenas o bônus, mas não o fator principal do enredo. Uma estória envolvente, diferente da maioria dos doramas que encontramos, que mostra que, independentemente da idade, as mulheres podem ser fortes, sexies, independentes, autossuficientes e que não precisam de um homem (ou príncipe) para serem salvas. Um drama divertido, porém reflexivo, que traz a realidade de muitas mães solteiras na atualidade, recomendado para todas as idades.

O dorama possui 16 episódios de aproximadamente 60 minutos, distribuído na Coreia do Sul pela Rede tvN e no Brasil pela Netflix.

😒
Voltar ao topo