Pular o menu
 

!magine

Fanfic: Momento Certo

:: 4 minutos de leitura

Para Kakashi, a situação dos dois era a prova bem que as pessoas que acreditam que o amor nem sempre é o suficiente...

MellAutor(a)

Oii, gente! Aqui é a Mell e esta fic pode ser encarada como uma continuação de Superar, mas focando no doido do nosso Naruto e no que ele vai fazer agora que a Hinata estará se ausentando por alguns meses. Espero que gostem!

Boa leitura :3


Quando a figura de Hinata se afastando já tinha sumido do seu campo de visão, sons de passos alertaram Naruto que alguém estava se aproximando, e ele não precisou se virar ou pensar muito para saber quem era.

— Eu sei que nesta situação não existem escolhas boas, mas por que você não foi honesto com ela? — a voz calma de Kakashi chegou aos ouvidos do loiro, que virou o corpo e o rosto para encarar o antigo sensei.

— Tenho certeza de que seria melhor ser sincero, só que não fazia a mínima ideia de como dizer isso. Também não sabia se ela compreenderia.

— Você sabe que a Hinata é uma das mulheres mais compreensivas daqui. Você só não disse a verdade porque estava com medo de magoá-la, mas acabou dizendo algo bem pior e — o próprio albino se interrompeu quando o entendimento lhe alcançou — …e você o fez de propósito — não era uma pergunta, então Naruto nem precisou confirmar — Você queria afastá-la.

— Exato — respirando fundo, o loiro colocou as mãos dentro dos bolsos do seu moletom laranja — Como Hokage, tenho inúmeras vidas para carregar nas minhas costas. Agora não é o momento certo para um relacionamento, e quando esse momento chegar, creio não será com a Hinata que eu vou ficar — o sorriso doloroso que o Uzumaki deu comoveu o antigo sexto Hokage, que pôs uma das mãos em seu ombro, tentando passar algum consolo — Ela é uma mulher incrível. Sempre foi. Mas ela merece mais do que alguém que nunca poderá dar a devida atenção pra ela. E que a ame tanto quanto eu.

Para Kakashi, a situação dos dois era a prova bem que as pessoas que acreditam que o amor nem sempre é o suficiente. Mas ele ainda tinha esperanças de que os dois ficassem juntos, mesmo com tantos conflitos impedindo que isso acontecesse agora.

— Vá para sua casa. Creio que você precisa pensar melhor no que fará sem ela aqui e principalmente como resolverá as coisas quando ela voltar — abaixou mão que estava no ombro dele — Ela merece a verdade. Você está sendo um idiota dando motivos pra ela te odiar quando tudo poderia ser resolvido de uma forma muito mais saudável e menos dolorosa para ambos.

Tudo o que Naruto pôde fazer foi abaixar a cabeça e assentir em concordância. Ele sabia que tinha errado feio com ela, e o fato disso ter sido intencional não ajudava em nada sua situação.

Despedindo-se de Kakashi e outras pessoas mais próximas dele, o atual Hokage deixou seu prédio, escolhendo o caminho mais calmo e menos frequentado para chegar em sua casa.

No trajeto, a mente de Naruto estava a mil. No calor do momento, ser um tolo com a Hinata parecia uma boa ideia, mas agora que ele parava para pensar em como ela reagiu e na dor que transpareceu em seu olhar, percebia que tinha feito merda.

Contudo, não correria atrás dela naquele dia. Nem nos dias que ainda viriam. Queria que ela o esquecesse e voltasse ainda mais determinada a ser feliz e temia que, ao se reconciliarem, ela voltasse atrás em sua decisão de superá-lo. E pior, o Uzumaki poderia acabar lhe dando esperanças.

Aproveitaria esse tempo sem a Hyūga ali para resolver os inúmeros assuntos pendentes que ele tinha como Hokage e daria o seu melhor para deixar tudo em ordem. Seu interior podia estar um caos, mas ele não desejava que o mesmo acontecesse com Konoha.

Nesses momentos, ele se perguntava como seria ter pais para aconselhá-lo. Ter crescido sem amor fez com o que o loiro fosse péssimo para se expressar, e isso estava lhe prejudicando muito.

De cabeça baixa, Naruto entrou em sua casa, pensando em jantar um lámen e depois ir dormir. Por mais que quisesse, seu problema não tinha uma solução imediata.

Mas estava determinado a mudar e, algum dia, ser digno ao menos de estar perto de Hinata. Ela era extraordinária, seu sorriso era tão belo que parecia brilhar e ele sabia que, depois que fez e disse, pedir sua amizade já seria pedir muito.

Só esperava que, algum dia, ela o perdoasse e entendesse que ele dedicou a vida toda para ser Hokage, então não era capaz de colocá-la no topo de suas prioridades.

Pelo menos, não naquele momento.

😒

Tags

Compartilhar

  • Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Telegram
Você precisa ativar seu JavaScript para acessar os comentários...
Voltar ao topo