Pular o menu

Notícias em Geral

Novos anúncios das grandes editoras de mangá aquecem o mercado

:: um minuto de leitura

Na última semana, a Panini e a JBC anunciaram grandes títulos que prometem aquecer o mercado brasileiro de mangás, confira quais são e se surpreenda!

KennyMDAutor(a)

Na semana da ComiCon Experience a Panini revelou o lançamento de um título inédito aqui no nas terras brasileiras, o famoso web-comic One-Punch Man, criado pelo ONE no ano de 2009, mas em 2012 houve uma releitura para o formato de mangá digital e publicado no site Tonari Young Jump e é ilustrado por Yusuuke Murata.

Além disso, está em circulação como formato físico, estando atualmente na 10ª edição e vem se popularizando com seu anime, que ainda está em lançamento, e está fazendo sucesso por todo o mundo com as aventuras de Saitama.

O outro lançamento anunciado pela Panini foi o relançamento de Vagabond (que já está passando pela terceira editora aqui no Brasil), o mangá foi desenhado e roteirizado por Takehiko Inoue (autor de Slamp Dunk) e conta a história e trajetória do maior samurai de todo o Japão, Musashi Miyamoto.

Vagabond faz muito sucesso no Japão, tanto que ganhou o prêmio Grande Prêmio do Festival de Artes da Mídia do Japão e está sendo serializado na revista semanal weekly morning (revista especializada em seinen) e iniciou sua publicação em 1998, no Brasil foi publicado pela Conrad e posteriormente pela Nova Sampa (infelizmente em ambas as editoras o título foi cancelado).

Para finalizar, a JBC anunciou recentemente um novo título do mestre Nobuhiro Watsuki, o título da obra é Kenshin Tokuhitsuban, o mangá já foi finalizado no Japão e possui apenas 2 volumes.

Ele foi seralizado entre 2012 e 2013 na revista Jump Square e uma nova versão do Batousai o retalhador em comemoração ao sucesso da adaptação às telonas.

Em ambos os três casos não houveram detalhes sobre a data de lançamento, formato e preços.

😒

Tags

    Compartilhar

    • Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Telegram
    Você precisa ativar seu JavaScript para acessar os comentários...
    Voltar ao topo