Galeria Seinen

Mês Pokémon – Qual a Curiosidade mais Intrigante sobre os Pocket Monsters?

:: 5 minutos de leitura

Esse mês mais que especial já está chegando ao seu final, mas ainda há tempo para conferir e escolher os fatos mais curiosos sobre Pokémon...

😒

Mês Pokémon – Qual a Curiosidade mais Intrigante sobre os Pocket Monsters?

Tudo o que alcança um grande sucesso acaba se tornando objeto de teorias de conspiração, mitos e segredos. Com Pokémon não poderia ser diferente. A franquia é alvo de tantos rumores que acabou ganhando características folclóricas que extrapolam o mundo otaku e alcançam a vida prática.

Analisando cuidadosamente os animes ou os games, é possível perceber pokémons inspirados em atores como Jackie Chan e Bruce Lee. Há também a presença de numerais em idiomas como espanhol e alemão escondidos em nomes de pokémons.

E se você for observador o bastante, poderá descobrir que alguns pontos geográficos da série são inspirados em regiões existentes no Japão real.

Levaríamos horas, talvez dias, falando sobre os segredos da mitologia dos Monstros de Bolso. No entanto, depois da difícil missão de selecionar apenas cinco opções, chegou a sua vez de escolher qual o mistério mais intrigante sobre a série Pokémon.

1 – Pikachurin!

Mês Pokémon – Qual a Curiosidade mais Intrigante sobre os Pocket Monsters?

Em 2008, uma proteína foi descoberta por cientistas japoneses. Ela tem função importante no sistema nervoso e é primordial para o funcionamento da visão humana. Devido à boa relação da proteína com a eletricidade, os pesquisadores decidiram homenagear um dos personagens mais amados dos animes, dando o nome de Pikachurin (visão microscópica da proteína na imagem acima).

2 – Armas biológicas da Segunda Guerra Mundial.

Mês Pokémon – Qual a Curiosidade mais Intrigante sobre os Pocket Monsters?

Há quem afirme que Pokémon se passa numa realidade alternativa onde o Japão haveria vencido a 2ª Guerra Mundial, usando os pocket monsters como arma biológica. Os países perdedores foram obrigados a fornecer recursos tecnológicos, tornando a terra do sol nascente uma potência absoluta no mundo.

Essa teoria é sustentada pelo fato de haver pouquíssimos personagens maiores de idade. Muitas crianças perderam parentes e foram obrigadas a assumir uma postura adulta. Além de diálogos que dão a entender que alguns personagens passaram por traumas recentes ocasionados por um conflito militar de grande escala.

3 – O universo Pokémon é resultado do estado de coma de Ash

Mês Pokémon – Qual a Curiosidade mais Intrigante sobre os Pocket Monsters?

Imagine o Ash acordando num belo dia em um leito de hospital e percebendo, ao rever seus parentes, que toda a sua aventura não passou de uma ilusão mental gerada por um estado de coma.

Após um acidente de bicicleta ainda no primeiro episódio do anime, Ash ficou entre a vida e a morte e só conseguiu sobreviver sendo mantido em estado de coma. Toda a história não passou de um sonho onde os pokémons, os amigos, os lugares e até mesmo os vilões são projeções da própria personalidade do garoto.

Essa teoria é muito complexa, chegando a se confundir com um roteiro não oficial ou uma fanfic de altíssima qualidade. A maneira como Ash reage no término dessa versão ao ver o final de seu sonho é bastante comovente. Toda essa estória pode ser facilmente encontrada na internet.

4 – Terror em Lavender Town!

Mês Pokémon – Qual a Curiosidade mais Intrigante sobre os Pocket Monsters?

De tempos em tempos, ouvimos falar de mensagens macabras escondidas em músicas de artistas famosos. No game Pokémon Red & Green havia uma música cujos boatos diziam que provocavam tendências suicidas em quem jogava. Lavender Town era considerada uma cidade fantasma no jogo. Lá não havia nada de muito interessante além da Pokémon Tower que era uma espécie de cemitério de pokémons.

Uma suposta pesquisa feita pelos próprios desenvolvedores do game chegou à conclusão de que crianças que alcançavam essa fase apresentavam mudanças bruscas de humor, fortes dores de cabeça e ouvido, apego exagerado ao game, sangramento nos olhos e até mesmo suicídios. Houve ainda relatos de fãs que disseram ter visto assombrações relacionadas ao jogo. Tudo não passava de especulação até a Nintendo modificar Lavender Town, colocando uma estação de rádio no lugar da Pokémon Tower e deixando a trilha sonora um pouco menos sinistra.

A empresa japonesa nunca se pronunciou sobre o caso, mas há indícios de que tons binaurais tenham sido mixados junto com a trilha sonora de Lavender Town. Esses sons tem uma frequência muito baixa, a ponto de passarem quase despercebidos pela audição humana. Quando a música é tocada em alto-falantes, nota-se apenas uma harmonia estranha e chata.

Porém quando música é executada via fones de ouvido, os tons binaurais provocam efeitos psicoativos semelhantes aos de drogas ilícitas. Graças a esses sintomas, esse tipo de música é considerado uma espécie de droga digital. Você pode ouvir (se tiver coragem) abaixo a versão original e a modificada. Recomendamos não ouvir a primeira versão com fones de ouvido por mais de dois minutos.

Versão original:

Versão modificada:

5 – Porygon e os ataques epiléticos

Mês Pokémon – Qual a Curiosidade mais Intrigante sobre os Pocket Monsters?

O episódio 38 do anime, exibido em 16 de dezembro de 1997, foi banido em todo o mundo depois de um acontecimento considerado o mais polêmico do mundo dos animes.

Ash e seus amigos estão no ciberespaço enfrentando um Porygon roubado pela Equipe Rocket. Nada fora do normal até a marca de vinte minutos, quando Pikachu usa o choque do trovão para interceptar alguns mísseis. A explosão gerou cores em frequências supostamente nocivas ao ser humano.

E mesmo tendo preenchido a tela de aproximadamente 27 milhões de expectadores por apenas 6 segundos, foi o bastante para provocar náuseas, dores de cabeça e visão embaçada. Algumas crianças apresentaram sintomas mais graves como cegueira e desmaios. 675 pessoas precisaram de atendimento médico, sendo que 150 tiveram que permanecer internadas.

O pedido de desculpas feito no dia seguinte pela Tokyo TV não foi o bastante para impedir que a série ficasse fora do ar por quase cinco meses. Após o governo definir regras para evitar novos incidentes, Pokémon retornou em novo horário com nova abertura e o pobrezinho do Porygon nunca mais foi visto nas telinhas desde então. Segue o momento da explosão no vídeo abaixo. Recomendamos que não assista em tela inteira dentro de ambientes pouco iluminados.

Essas foram as curiosidades mais intrigantes sobre Pokémon. Se você conhece algum outro fato incomum sobre a série que não foi colocado na matéria deixe seu relato nos comentários, mas não se esqueça de escolher e opinar sobre uma das cinco opções descritas acima.

Vamos escolher qual é a curiosidade mais intrigante de Pokémon!

Tags

    Compartilhar

    • Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Telegram
    Você precisa ativar seu JavaScript para acessar os comentários...
    Voltar ao topo