Pular o menu

Arquivo JH

Light Novels World – Combo Zero no Tsukaima

:: 3 minutos de leitura

O mundo de fantasia e romance de Zero no Tsukaima avaliado e criticado...

LexusAutor(a)

Light Novels World - Combo Zero no Tsukaima
 

Zero no Tsukaima é uma série de light novels contendo 20 volumes mais 3 histórias laterais,  escrita por Noboru  Yamaguchi e ilustrada por Eji Usatsuka, o manga publicado pela media factory e escrito por Nana Mochizuky com 7 volumes, se iniciando em agosto de 2006 e finalizado em outubro de 2009, foram 3 adaptações para anime, a primeira no ano de 2006, a segunda com o título de Zero no Tsukaima : Futatsuki no Kishi indo ao ar em 2007 e a terceira temporada com o título Zero no Tsukaima : Princess no Rondo em 2008, e já com a 4° e última temporada confirmada para o primeiro semestre do ano de 2012, todas pelo mesmo estúdio, J.C Staff.
 

Sinopse:
 

A história é ampla, mas segue os dois protagonistas, Hiraga Saito e Louise Françoise de La Baume Le Blanc de La Vallière.  
 

Light Novels World - Combo Zero no Tsukaima
 

A história se passa em um mundo alternativo parecido com a Europa do período feudal, aqui, magos, camponeses e todos os tipos de criaturas fantasiosas convivem entre si. O poder político é atribuído aos magos, tidos como nobres, e estes nem sempre olham com respeito para a população quase pobre, Louise é uma maga tida como inútil por todos os seus colegas na escola de magia, uma escola unicamente frequentada por nobres, por causa de sua inabilidade com magia é chamada por seus colegas de "zero Louise", já que zero é o numero de magias que Louise consegue fazer. Em um ritual de sua escola no qual os alunos devem invocar animais para lhes servir, Louise mais uma vez surpreende e conjura um garoto humano chamado Hiraga Saito, que acaba mudando sua vida para sempre.
 

Brain Storm:
 

– Uma história excelente com muita comédia e momentos dramáticos e de muita ação, fazendo com que o fã não perca a vontade de ver, em nenhuma das três adaptações, e mesmo sendo uma história cheia de fantasia e magia, tem os momentos de seriedade e intriga.
– Os personagens são distintos e muito divertidos em qualquer situação apresentada no anime.
– A comédia e o ecchi moderado percorrem em toda a série, e por muitas vezes se opõem a verdadeira situação vivida no decorrer do anime.
– O traço simples combina perfeitamente com o ambiente e a proposta muitas vezes cômica do anime, fazendo com que não entre em um período longo de seriedade que não é a verdadeira proposta do anime, e sim a diversão e o entretenimento.
– O romance proibido nessa sociedade e facilmente detectado logo no inicio faz com que a história fique cada vez mais emocionante e prazerosa de se ver, a intriga romântica e a negação junta com o querer (tsundere) é um ponto positivo no contexto romântico e principal da série.
– Esse mundo paralelo parecido com uma Europa Feudal é extremamente interessante e proveitoso para quem gosta desse tipo de cenário misturado com magia e nobreza.
– Sonorização é perfeita pelo gênero do anime, tanto na parte de drama quanto na parte cômica, além disso, vale ressaltar a dublagem perfeita como de costume de todos os animes.
 

Latter View : 
 

História linda e cheia de emoções sem perder aquela parte cômica e que faz todos curtirem e indicar animes desse tipo.  A nobreza muitas vezes hipócrita, tratando o povo como animais que lhe devem respeito, uma sociedade monarca que venera sua rainha que está nas mãos da alta cúpula nobre, os heróis que surgem e provam o seu valor pelo bem do povo e do reino, o verdadeiro patriotismo de alguns nobres que realmente morrem pelo povo, os traidores que entregam os segredos mais profundos do seu reino, Zero no Tsukaima é uma história com muita base intelectual que até cita famílias nobres reais em um universo fantástico e muito bem imaginado pelo autor, que, mesmo tendo tanta seriedade coloca o humor em primeiro lugar. Fantástico, não deixem de ver.
 

😒

Tags

    Compartilhar

    • Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Telegram
    Você precisa ativar seu JavaScript para acessar os comentários...
    Voltar ao topo