Pular o menu
 

The Game Station

Final CBLOL 2019: Saiba mais sobre os times da final do 2º split

:: 7 minutos de leitura

Os dois times irão disputar o título do 2º split do CBLOL neste sábado.

AlastairAutor(a)

Com o dia da grande final entre o Flamengo e INTZ chegando (07/07), em breve teremos o nosso representante no Mundial de League of Legends de 2019. Uma final que tem tudo para ser disputadíssima, pois o Flamengo, depois de três vice-campeonatos seguidos, em sua quarta final seguida, quer ir em busca de seu primeiro título. Já a INTZ quer seu pentacampeonato e mostrar que seu auge não é apenas com o famoso Exodia (MicaO, Jockster, Revolta, Tockers e Yang).

Flamengo e-Sports

O Flamengo, apesar de ser um time jovem no cenário de League of Legends, carrega um peso enorme em seu nome por ser um dos maiores e mais reconhecidos times de futebol do mundo. Mas o seu carma é ter participado de três finais e ter amargurado o segundo lugar em todas elas.

  • Final Circuito Desafiante 2018: FLA 1×3 IDM
  • Final CBLOL 2018 Segundo Split: FLA 2×3 KBM
  • Final CBLOL 2019 Primeiro Split: FLA 2×3 INTZ

Com um time experiente em finais e sem mudanças de jogadores há quase dois anos, o Flamengo vem forte para esta final apostando no trabalho em equipe, mas também no potencial individual de seus jogadores para conseguir seu primeiro título.

Topo – Leonardo “Robo” Souza

Robo é um jogador experiente no cenário competitivo, tendo passado por times como INTZ Red, Jayob, Keyd Stars, Red Canids e CNB antes de sua atuação pelo Flamengo. Apesar de não ser um jogador no qual o Flamengo foca seus recursos, ele consegue se virar sozinho no Topo e ser participativo em lutas decisivas sempre que é acionado, principalmente com sua Poppy.

Suas estatísticas foram:

  • KDA: 3,15
  • Farm/min: 7,85
  • Ouro/min: 402

Selva – Lee “Shrimp” Byeong-hoon

Considerado o Jungler absoluto do split passado, Shrimp tem sido a engrenagem que tem movido muito das vantagens no early- e mid-game do Flamengo. O Jungler rubro-negro na maioria das partidas opta por jogar o seu jogo focado na Bot Laner, distribuindo recursos na mão de seu Atirador BrTT, criando um Snowball para tomar controle de objetivos como o Dragão.

Suas estatísticas foram:

  • KDA: 4,02
  • Farm/min: 5,62
  • Ouro/min: 373

Meio – Bruno “Goku” Miyaguchi

Goku é um ótimo jogador que tem mostrado uma constância com alguns picks mais agressivos como Akali e Irelia, conseguindo controlar bem as fases de rotas e rodando o mapa com seu Jungler Shrimp. Em team fights, Goku se destaca sempre por conseguir focar os alvos necessários, posicionando-se de maneiras estratégicas.

Suas estatísticas foram:

  • KDA: 3,82
  • Farm/min: 8,05
  • Ouro/min: 397

Suporte – Han “Luci” Chang-hoon

No início do segundo split, Luci enfrentou problemas pessoais e teve de ser substituído pelo famoso FLAnalista (Seong “Reven” Sang-hyeon). Com isso a equipe rubro-negra amargurava duas derrotas e apenas uma vitória, mas com o retorno de Luci a equipe alcançou a marca de 15 vitórias e apenas três derrotas. Isso mostra o quanto o suporte do time é uma peça-chave para as vitórias da equipe, criando uma sinergia com seu atirador BrTT.

Suas estatísticas foram:

  • KDA: 4,38
  • Farm/min: 1,59
  • Ouro/min: 277

Atirador – Felipe “BrTT” Gonçalves

BrTT é um jogador experiente, com seus 28 anos e um dos maiores ícones do cenário brasileiro de League of Legends. Admirado principalmente pela sua capacidade de estar sempre evoluindo com o passar dos anos, mantendo-se como um dos melhores atiradores de todos os tempos do cenário brasileiro de League of Legensds.

Dominou durante grande parte do split como maior KDA, até a derrota do Flamengo para Team One. Isso se deve ao fato de sua equipe buscar focar os recursos na mão do atirador: é comum vermos o BrTT conseguir torres e barricadas sozinho para acelerar sua fase de rotas.

Abusando de sua experiência de game, recursos e mecânica, BrTT sempre é um diferencial nas lutas em equipes buscando se posicionar bem para causar o máximo de dano possível.

Suas estatísticas foram:

  • KDA: 4,71
  • Farm/min: 9,5
  • Ouro/min: 451

Reservas

O Flamengo ainda tem a opção de reserva para essa final o Seong “Reven” Sang-hyeon, analista do Flamengo mais conhecido como FLAnalista e que pode atuar como suporte ou atirador da equipe rubro-negra. Também tem Gabriel “Juzo” Nishimura como Atirador.

INTZ e-Sports

Sendo a equipe mais vitoriosa do CBLOL com quatro títulos (em 2015 no primeiro split, em 2016 nos dois splits e em 2019 no primeiro split), a INTZ vem forte para buscar seu pentacampeonato em sua segunda final contra o Flamengo, sendo a primeira com vitória dos intrépidos.

Com um time relativamente novo, mas muito consistente, a INTZ vem mostrando a cada jogo um crescimento contínuo. Também tem a volta de um velho conhecido da torcida, MicaO, que com sua experiência traz para a equipe uma força a somar com Tay, Shini, Envy e Redbert.

Topo – Rodrigo “Tay” Panisa

Tay é um jogador que já esteve atuando anteriormente em diversas posições dentro do jogo como, meio, selva, atirador e atualmente como Topo.

Foi por um tempo desacreditado e até cotado como pior jogador quando atuava pela equipe da paiN Gaming. Hoje, atuando pela INTZ, Tay é um dos melhores jogadores do cenário brasileiro atuando no topo, com destaque dos campeões Aatrox e Camille.

Suas estatísticas foram:

  • KDA: 3,32
  • Farm/min: 7,79
  • Ouro/min: 397

Diogo “Shini” Rogê

Logo no início do split, Shini deixou a nação intrépida preocupada devido a um problema de saúde que afastou o jogador do jogo de estreia da equipe, fazendo com que seu colega de equipe Tay assumisse sua posição na selva. Mas, assim que se recuperou, Shini retornou para a selva fazendo ótimos jogos, nem sempre como o destaque, o que não impediu que ele e seu time chegassem à final. Shini tem em destaque sua utilidade com o campeão Gragas.

Suas estatísticas foram:

  • KDA: 2,82
  • Farm/min: 5,57
  • Ouro/min: 351

Bruno “Envy” Farias

MVP da final do primeiro split, Envy conta com boas estatísticas também na segunda etapa do CBLoL 2019, sendo sempre uma arma secreta que sua equipe pode contar em momentos difíceis.

Envy estava entre os selecionados da edição do vídeo do dia 27/08 do The Penta (um quadro do canal oficial de League of Legends, em que dão destaque às jogadas que ocorreram no mundo durante aquela semana). Em uma situação 2×1 na rota do meio, o jogador conseguiu o abate em cima do caçador inimigo e ainda saiu vivo com sua Tristana. A jogada em questão garantiu o terceiro lugar.

Suas estatísticas foram:

  • KDA: 3,97
  • Farm/min: 8,5
  • Ouro/min: 391

Suporte – Ygor “RedBert” Freitas

RedBert com toda certeza foi um dos grandes destaques da conquista histórica da Team One em 2017, que naquele ano levou pra casa a taça do Campeonato Brasileiro de League of Legends. Tanto que no ano seguinte foi convidado para jogar na INTZ e desde então vem mostrando que é um grande suporte com muito talento.

Ao lado do atirador micaO, que possui muita experiência, Redbert pode aprimorar ainda mais o gameplay, e assim tornando a Bot Lane da INTZ uma das mais fortes e perigosas do CBLOL.

Suas estatísticas foram:

  • KDA: 3,88
  • Farm/min: 1,33
  • Ouro/min: 264

Micael “micaO” Rodrigues

Assim como BrTT, micaO é um jogador com experiência em finais e competições internacionais, sendo um dos melhores atiradores de todos os tempos do competitivo do League of Legends brasileiro.

O jogador é bem adaptável, pois consegue se dar bem com atiradores de mais utilidades, como Ashe e Sivir, abusando de suas ulimates para auxiliar seu time, assim como com atiradores mais agressivos tipo, Ezreal e Kai’sa. Também podemos contar com Heimerdinger como uma arma surpresa na mão do micaO.

Suas estatísticas foram:

  • KDA: 5,55
  • Farm/min: 9,24
  • Ouro/min: 438

Reservas

De reservas a INTZ tem como opções Guilherme “Mills” Conti, que já atuou em alguns jogos como Atirador, e os jogadores Emerson “BocaJR” Alencar, que atua como suporte, e Matheus “Blacky” Lessa, que atua como rota meio.


Agora que você conhece um pouco sobre cada equipe e cada jogador, já fizeram suas apostas? Vai dar INTZ ou Flamengo nessa final?

A final do segundo split do Campeonato Brasileiro de League of Legends 2019 vai acontecer no dia 7 de setembro às 12 horas na Jeunesse Arena, no Rio de Janeiro, palco da fase principal e também da final do Mid-Season Invitational (MSI), o Mundialito de LoL, em 2017.

Para quem não for comparecer ao evento, pode estar assistindo a final de locais que a estarão transmitindo ao vivo.

Tags

Compartilhar

  • Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Telegram
Você precisa ativar seu JavaScript para acessar os comentários...
Voltar ao topo